domingo, 9 de julho de 2017

Valle del Arcoíris e Yerbas Buenas

(*) Patrocinado
Arcoiris3
Apreciando as cores do Valle do Arcoiris
Após voltarmos do incrível passeio aos gêiseres El Tatio, almoçamos em San Pedro de Atacama, descansamos um pouco e fomos até a sede da Ayllu Atacama para de lá seguir para outras belas atrações que não são visitadas com muita intensidade no Atacama.

De início, ficamos surpresos porque só havíamos eu e Rosana como participantes. Ótimo !! seria um passeio totalmente dedicado a nós dois e com a vantagem de termos como guia o Daniel, entusiasta da geologia.
Saímos de San Pedro no sentido de Calama e fomos ouvindo as explicações sobre os movimentos geológicos e características da região. No caminho, avistamos ao longe um grupo de Guanacos, mais um representante da família dos camelídeos. Estavam um tanto longe, mas o zoom da máquina de Rosana conseguiu capturar algumas imagens.

Guanacos2
Grupo de Guanacos
O Valle do Arco-íris fica na Cordilheira de Domeyko, a cerca de 85 Km de San Pedro. O nome decorre das tonalidades coloridas nas rochas, decorrentes de diferentes minerais.

Caverna no Vale do Arco Iris
"Cachoeira" petrificada
ArcoIris4
Ouvimos mais explicações sobre estas características, visitamos uma pequena caverna, com o que lembra uma cachoeira petrificada e depois fomos caminhar, tendo o Valle só para nós. Uma experiência diferente, se comparada com outros pontos onde é inevitável ter um grande número de turistas. Ali, tínhamos apenas a natureza.
ArcoIris1
Tonalidades de vermelho, branco e verde
Arcoiris2

ArcoIris7
Paisagens belíssimas
Sinalização Valle do Arco iris 1
Curiosas sinalizações no local
Sinalização Valle do Arco iris 2
Nem precisa indicar onde fotografar. São muitas opções
Valle do Arco Iris
Caminhando pelas trilhas
Vale do Arco Iris
Percurso realizado.
Depois da caminhada por trilhas marcadas, seguimos para o sítio de Yerbas Buenas (ou Hierbas Buenas), que possui uma interessante coleção de petróglifos (gravações diretas na rocha, em baixo relevo), com figuras humanas e de animais.

O acesso principal é bem fácil e basta seguir a trilha ao lado das paredes de rocha e apreciar a arte rupestre, imaginando o dia-a-dia daquele povo.

Yerbas Buenas
Informações sobre os estilos, ressaltando a importância da LLama
Yerbas Buenas  - Petrogrifos 1
Raposas. Dá para imaginar que estava prenhe
Yerbas buenas  - Petrogrifos 2

Para finalizar, sem perder o padrão da Ayllu, um ótimo lanche com direito a vinho, antes de voltar a San Pedro

Lanche
(*) Tivemos descontos da Ayllu Atacama para o blog

Dicas

  • Não se esqueça de levar e tomar bastante água, mesmo não tendo sede. A região está a cerca de 3600 m de altitude (aproximadamente a mesma de La Paz).
  • Proteja-se para o frio, principalmente se o passeio for realizado à tarde
  • Na entrada do sítio de Yerbas Buenas há banheiros e é necessário pagar uma taxa de 2.000 pesos chilenos por pessoa (cerca de R$ 10,00 em abril de 2017).
Outros relatos desta viagem

Seja o primeiro a comentar!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...